sábado, 21 de janeiro de 2017

Aprendizagens do 1º semestre



Hoje trouxe-vos mais uma publicação, mas desta a vez, algo relacionado com a faculdade. Já algum tempo que não fazia uma publicação destas. O meu objectivo com este tema é puder chegar às outras pessoas que estão principalmente a começar a sua vida universitária e tem algumas dúvidas, assim como eu. Estas aprendizagens foram também lições que me foram dadas por pessoas que passaram por esta experiência (nada melhor do que nos guiarmos por pessoas que sabem melhor que nós). Sei que ainda falta algum tempo mas, se eu me lembrar, em Setembro volto a divulgar esta publicação para aquelas pessoas que vão entrar na universidade, seja pelas redes sociais, seja por aqui.
Para finalizar, espero que gostem e que isto vos ajude!
  1. Estuda com antecedência!
    O primeiro semestre foi para mim o mais atribulado, pois eu vim de um curso profissional onde não havia muita exigência e eu ainda tinha aquela mania de me desleixar um bocadinho ou deixar as cenas para a última. Consequentemente tornou-se uma das razões para a qual eu reprovei a matemática. Nos últimos dias que faltavam para a frequência tive imprevistos e por isso não estudei praticamente nada. Ainda que soubesse 40 % da matéria, isso não chegava. Com isso aprendi esta lição. Comecei desde o início de Janeiro a estudar para o exame de recurso. Aliás, até fiz os resumos da matéria antes de Janeiro (sim, eu também faço resumos a matemática). E agora posso dizer que estou mais descansada, porque não deixei tudo para a última e, aliás, até acabei os exercícios todos mais cedo daquilo que eu previa e estou aqui tranquilamente a escrever este post.

  2. Mesmo que tenhas muito que fazer, mantém sempre a calma - ou tenta pelo menos!
    Uma característica que eu descobri em mim este semestre é que consigo manter a calma mesmo tendo trabalhos e testes uns em cima dos outros. Uma colega minha até se virou para mim e disse: “não percebo como consegues estar tão calma com tudo o que temos para fazer!”. Guess what! Nem eu sei. Até fiquei admirada comigo mesma. Foi essa calma que me fez “sobreviver” ao primeiro semestre, praticamente (deixa lá, Rafaela, porque ainda vais ter muitos semestres para sobreviver).

  3. Ainda estás no início!
    Estás no primeiro ano. Muita coisa muda em ti mesmo/a, assim como na tua vida. Vais para uma cidade que não é a que estás acostumada/o a viver e tens que “começar do zero”. Conhecer novas pessoas, o que para uns é processo difícil e para outros não é assim tanto. Ainda assim, não entres em pânico se nos primeiros tempos não estejas a integrar-te bem. Uns demoram mais e outros menos. Sempre me disseram que os primeiros meses são dos mais difíceis (não que os outros também não sejam, claro). Porém, daqui a um tempo, tudo vai mudar. Tudo vai ficar melhor. Acredita!

  4. Não precisas de te dar com toda a gente! 
    Algo que, dificilmente, demorei a aperceber-me. Para quem vem de longe, ou até mesmo aqueles que são da cidade em que estudam, tem sempre aquele medo de andar sozinhos (é um medo natural) e preocupam-se mais com a sua integração e com o facto de terem que se dar com o máximo de gente possível. Bem, por um lado é verdade. Por outro, não, mas no sentido de termos que nos dar com toda a gente ou ter essa necessidade e o fazer. Não é preciso isso. Costuma-se dizer: “Mais vale poucos e bons!”

  5. Os teus amigos não precisam de ser exatamente da tua turma!
    Não estás mais no secundário, mas sim na faculdade onde estão, ao teu dispor, muitos alunos de diferentes locais. Se não te identificas tanto com a tua turma ou não consegues dar-te integrar-te bem ao início, tens sempre outras pessoas fora dela. 
    Não me posso esquecer de dizer também que sempre me alertaram que nem sempre as pessoas com quem nos damos ao início, são aquelas que vão estar connosco até ao final do curso ou até ao fim da nossa vida. Aliás, no primeiro semestre, ainda é muito cedo para arranjares ou encontrares aqueles amigos que vão ficar contigo para a vida.

  6. Tenta organizar-te nas compras! - Fala a pessoa mais desorganizada que pode haver em relação a isso.
    Bem, estou a exagerar. Já houve vezes em que fui organizada – refiro-me a levar sempre tudo apontado com o que queria e precisava de comprar. 
    Contudo, costumo ser uma pessoa bastante esquecida. A maioria das vezes, não apontava o que ia buscar ao supermercado e acontecia eu ir lá com o intuito de comprar uma coisa e trazia tudo menos aquilo que ia comprar. Chegava a casa e pensava: “A sério que me esqueci do mais importante? Agora não me apetece voltar a ir ao Continente!”. E depois, em vez de fazer um bife com arroz, tinha que fazer arroz com atum, que é o que tinha lá em casa!
    (É algo que pretendo mudar no 2º semestre: andar sempre com o bloco de notas à mão, com as coisas que quero comprar.”).

  7. Não estás sozinha/o!
    Pode parecer que não, mas não és a única a passar pelo mesmo. Muitos estudantes passam por momentos difíceis, seja a nível académico, seja a nível mais pessoal. Muitas vezes, senti-mo-nos sozinhos, principalmente aqueles que vêm de fora. Não tem a sua família por perto nem os amigos.  Nos primeiros meses, principalmente, é mais difícil lidar com a solidão. Mas, com o passar do tempo e dos anos, isso vai mudando ou vamos começando a aprender a lidar mais com isso. 

  8. Não te obrigues a fazer nada que não queiras!
    Se nunca foste, nem és pessoa de ir a discotecas ou de sair muito à noite, não precisas de te obrigar a isso. Não digo também para nunca saíres. Claro que deves sair, uma vez ou outra. O que quero tentar dizer com isto é que não te forces a ser o que não és. Se as pessoas ficam a gostar menos de ti por não saíres muito à noite ou por não seres de beber, então não são grandes amigas/os tuas/teus. 

  9. Lembra-te sempre do motivo para o qual estás na faculdade.
    Sim, podemos sair, para conhecer pessoas e conviver. Sim, podemos divertir-mo-nos. No entanto, nunca podemos esquecer-mo-nos do motivo para o qual estamos lá. Estamos lá para fazer o curso, para, mais tarde, pudermos exercer a profissão que queremos ou estamos lá só para a diversão? Estamos lá para passear os livros (neste caso, diria, "passear os power points") ? Nunca podemos esquecer que estamos lá principalmente para estudar, pois, no final, ninguém vai fazer o curso por nós.

Então, gostaram? Estudantes que já estão no 2º ou 3º ano, ou que já acabaram, concordaram comigo?

14 comentários:

  1. Boas aprendizagens! Aprendi o mesmo que tu no meu primeiro ano!

    ResponderEliminar
  2. Concordo plenamente contigo e revi-me em algumas coisa... parabéns por este excelente post :)

    ResponderEliminar
  3. Concordo completamente contigo, espero que o teu exame corra bem e que seja desta!

    ResponderEliminar
  4. Ahaha que boas dicas -- daquelas mesmo que nunca ninguém segue XD

    Já acabei a faculdade há um tempo e garanto-te que nunca fiz nada disto, mas devia XD

    Adorei o blog, já estou a seguir! Adorava que me seguisses também XD
    BeijinhoTheNotSoGirlyGirl // Instagram // Facebook

    ResponderEliminar
  5. Boas dicas!!
    Estou a tirar o alemão, apenas :)

    ResponderEliminar
  6. És de Coimbra. Omgggg. Gostei muito deste tipo de post. Beijinhos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não sou de Coimbra, estudo la! :)
      Porquê? És de lá?

      Obrigada , beijinhos*

      Eliminar